Cronograma de obras: faça da forma certa!

Como Acompanhar E Corrigir O Cronograma De Obras De Forma Eficiente Blog - Assessconti Contabilidade

Compartilhe nas redes!

Entenda como realizar um cronograma de obras adequadamente

Reunimos informações valiosas que vão ajudar você a saber mais sobre como um cronograma de obras deve ser feito e a importância para sua empresa da construção civil

Os projetos de construção podem ser complexos e desafiadores, especialmente se você estiver gerenciando vários empreiteiros e subempreiteiros diferentes ao mesmo tempo, contar com um cronograma de obras ajuda você a lidar com esse cenário. 

Criar um plano sólido para seu projeto de construção é essencial para mantê-lo no caminho certo e reduzir o risco de atrasos inesperados. 

Trabalhar com um cronograma de obras significa que você sabe exatamente quando todas as diferentes partes de seu projeto acontecerão. Isso também ajuda todos os envolvidos a entender como suas responsabilidades se cruzam com as de outros que trabalham no projeto. 

O uso de um cronograma de construção também facilita a identificação de possíveis bloqueios de estradas e o planejamento ao seu redor de acordo. 

Antes de começar, porém, aqui estão cinco dicas úteis para criar um cronograma de obras eficaz para o seu projeto.

Dica 1 – Defina seus principais marcos

A primeira coisa que você deve fazer é definir seus principais marcos. 

Estes são tipicamente os eventos que desencadeiam outras ações em seu projeto. 

Por exemplo, se você tem uma licença que expira, você precisará ter o projeto completo a tempo de renová-lo. 

Seus marcos podem incluir receber as licenças, contratar a tripulação, iniciar a demolição, iniciar a fase de enquadramento, completar as inspeções em bruto, terminar as inspeções finais e assim por diante. 

A maioria dos projetos de construção terá muitos marcos em seu cronograma, mas estes são os que desempenham um papel significativo em todo o processo de construção. 

Sugestão de artigos:

Dica 2 – Divida tudo por fase

Uma vez que você tenha uma lista de seus principais marcos, é hora de decompor seu projeto por fase. 

Cada fase será uma parte menor do projeto global que tem seu próprio conjunto de marcos. 

Por exemplo, se seu projeto for a construção de um novo edifício de escritórios, você poderá ter as seguintes fases: obtenção das licenças, demolição, escavação, trabalhos de fundações, molduras, telhados, etc. Para cada fase, anote suas datas previstas de início e fim. 

Em alguns casos, você pode não ser capaz de fornecer uma data exata para o final de uma determinada fase. 

Nesses casos, anote o que você acha que é uma data realista. 

Se você tiver uma grande equipe de empreiteiros, você pode querer designar cada fase a um empreiteiro específico. 

Certifique-se de levar em conta quaisquer atrasos que possam ocorrer.

Dica 3 – Datas estimadas de início e fim para cada fase

Uma vez decomposta cada fase, anote uma data de início e uma data de fim estimada para cada uma delas, em seu cronograma de obras. 

Mais uma vez, não deixe de levar em conta quaisquer atrasos que possam ocorrer em seu cronograma de obras. 

Você não quer ser excessivamente otimista e ser pego desprevenido se seu empreiteiro ficar para trás.

Dica 4 – Identificar quaisquer dependências

Você também deve anotar o nome de cada marco para cada fase da qual ele depende.

Por exemplo, se você estiver na fase de demolição e seus planos forem aprovados, a demolição pode começar. 

Se sua fase de fundação começa somente após a conclusão da fase de demolição, então a fundação pode começar somente após a demolição estar concluída. 

Estas dependências podem ser devidas ao tempo, ao fato de um empreiteiro estar preso a outro projeto, ou a outros fatores. 

Você também pode usar a lista de dependências para identificar quem você precisa informar uma vez que uma fase esteja concluída. 

Por exemplo, uma vez concluída sua fase de demolição, você deve informar o empreiteiro responsável pela escavação do local.

Assista ao vídeo abaixo e saiba mais sobre como realizar o seu cronograma de obras com mais segurança:

Dica 5 – Plano para contingências

Você não pode prever todos os cenários possíveis, mas pode planejar contingências em seu cronograma de obras. 

Se uma determinada fase estiver atrasada, o que você pode fazer para estender a linha do tempo para outra fase? 

Se um empreiteiro está tendo problemas para cumprir seu prazo, quem você pode encontrar para substituí-los? 

Você não pode controlar tudo, mas pode trabalhar para minimizar o impacto de eventos imprevisíveis. 

Se você tiver um contrato com um empreiteiro geral, pergunte-lhes sobre seus planos de contingência.

Caso o seu projeto tenha vários empreiteiros e subcontratados, certifique-se de incluir planos de contingência em seu cronograma de construção para que todos saibam o que fazer em uma emergência.

Dito isso, clique no link abaixo e conheça quem poderá ajudar você a simplificar o acompanhamento dos números em seu cronograma de obra:

Assesconti: vamos facilitar o controle do seu negócio

Antes de começar a criar seu cronograma de obras, certifique-se de definir claramente as metas e objetivos do projeto. 

Você também deve listar todas as datas, eventos e marcos críticos relacionados ao seu projeto. 

Finalmente, você precisa dividir o projeto em fases e identificar quaisquer dependências. 

Uma vez que você tenha todas estas informações, criar o cronograma de construção é bastante simples. 

Você pode usar uma ferramenta de programação de construção on-line para ajudá-lo a criar seu cronograma e gerenciar todos os seus empreiteiros e suas tarefas.

Nós, da Assesconti, temos a expertise necessária para ajudar você a ter um melhor controle dos seus números, também tratando-se do cronograma de obras.

Quer saber como?

Clique no botão abaixo, converse com um de nossos especialistas e entenda!

Preciso ter melhor acompanhamento dos meus números!

5/5 - (1 vote)
Summary
Cronograma de obras: faça da forma certa!
Article Name
Cronograma de obras: faça da forma certa!
Description
Entenda como realizar um cronograma de obras adequadamente. Leia o artigo que preparamos e confira mais informações!
Author
Publisher Name
Assessconti
Publisher Logo

Fique por dentro de tudo e não perca nada!

Preencha seu e-mail e receba na integra os próximos posts e conteúdos!

Compartilhe nas redes:

Facebook
Twitter
Pinterest
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Veja também

Posts Relacionados

Como Acompanhar E Corrigir O Cronograma De Obras De Forma Eficiente Blog - Assessconti Contabilidade

Cronograma de obras: faça da forma certa!

Entenda como realizar um cronograma de obras adequadamente Reunimos informações valiosas que vão ajudar você a saber mais sobre como um cronograma de obras deve ser feito e a importância para sua empresa da construção civil Os projetos de construção

Nota Fiscal De Servico Como Emitir Blog - Assessconti Contabilidade

Como emitir a Nota Fiscal de Serviço em passos simples

Guia prático para emissão de nota fiscal de serviço Descubra como emitir a nota fiscal de serviço sem complicações seguindo o passo a passo que preparamos para você Ao atuar como prestador de serviços pessoa jurídica, você passa a ter

Precisa de uma contabilidade que entende do seu negócio ?

Encontrou! clique no botão abaixo e fale conosco!

Recomendado só para você
Guia prático para emissão de nota fiscal de serviço Descubra…
Cresta Posts Box by CP
Back To Top

Preencha o formulário para baixar o e-book!